Vacina do SUS contra o sarampo pode ser aplicada em adultos e crianças

O Brasil assiste em 2018 ao retorno do sarampo, infecção que já foi considerada “doença comum na infância” décadas antes de ser eliminada do Brasil em meados dos anos 1990. São dois surtos: em Roraima (296 casos confirmados) e no Amazonas (910 casos).

O Ministério da Saúde acredita que vá conseguir controlar os surtos, mas ressalta que o aumento das taxas de vacinação é importantíssimo para garantir o controle da doença. Juntamente com o sarampo, o país também está atento à circulação e às baixas coberturas vacinais da poliomielite. Por isso, neste ano, a campanha de vacinação é indiscriminada: todas as crianças com um a cinco anos precisam ser vacinadas.

Compartilhar nas redes sociais

Este post tem um comentário

  1. Quem sabe se invertendo o ônus da “CASTA a coisa começa a melhorar?Por exemplo criando-se o auxilio “SEM moradia.Retira-se o auxilio do togado que já tem imovel onde reside e destina-o a um ou mais “SEM MORADIA real.Auxilio DesNutrição,retirado dos togados e destinado tantos famintos,e não são poucos,que habitam parte do planeta terra chamado Brasil.Auxilio Falta de saúde,dos togados retirado da saude e direcionado à compra e erradicação de doenças que estao voltando tipo sarampo,polio,etc..Auxilio “educa em casa,retirado da CASTA e destinado à construção de mais creches e escolas para crianças e por fim auxilio esterilidade,retirado do auxilio natalidade da CASTA e dirigido às familias que alem de nao ter MORADIA,SAUDE,EDUCAÇÃO E ALIMENTAÇÃO,possam dar à luz a brasileiros minimamente saudaveis e assitidos. cialis online pharmacy

Deixe uma resposta